Blog CINÉLIDE,  Sobre

CINÉLIDE: porque gosto de boas histórias

O CINÉLIDE nasceu como um blog de cinema, em 2008. Ficou hospedado no portal do jornal em que eu trabalhava, em Araraquara, até 2012, quando migrou junto comigo para o ACidade ON, de Ribeirão Preto. Em setembro de 2018, passa a ser uma seção no Palavreira.

As mudanças de endereço não mudaram o perfil do CINÉLIDE e nem sua razão de existir: compartilhar meus pontos de vista sobre filmes e séries.

O motivo é simples: adoro histórias bem contadas! Se vêm com suporte audiovisual, melhor ainda.

Mas não esperem textos herméticos, pois não me encaixo numa elite cinéfila que assiste à tudo com a lente do crítico de arte. Realizo-me completamente como público e é como tal que escrevo, porque minha relação com as obras dramatúrgicas é mais emocional do que racional.

É verdade que, por assistir muita coisa, o nível de exigência sobe. Passa-se a reconhecer as mesmas fórmulas em diferentes filmes, enjoa-se delas e começa-se a buscar incessantemente por uma história que nos surpreenda…

Se você pensou em um viciado eternamente à procura da sensação da primeira dose da droga, passou bem perto. A diferença é que  acabo encontrando – a cada 30, 40, 50 histórias que devoro – aquela que arrebata. Aí… a excitação é tanta que quero dividir com o mundo.

CINÉLIDE registra minhas melhores descobertas.

Mas quero companhia nesta busca. Por isso, sinta-se super à vontade para dar dicas, comentar e criticar toda e qualquer postagem.

Sem sua participação, esta jornada não tem razão de ser.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.