Colaboração

Poesia crônica

SÔNIA MAGGIOTTO *

Hum, e agora?

Por que essa dificuldade em escrever?

Como assim, escrever é o que mais faz no dia!

Então, melhor… o que acontece com essa dificuldade em publicar o que escrevo?

Opiniões, ideias e sensações. Tudo muito rico, muito intenso e muito volúvel.

Sim, descobri!

Sou mulher, fluo com as energias, com o que acontece dentro e fora de mim.

Percebo que escrevo com a alma e depois, assim que termino de ler, já não sou mais essa.

Já sou outra.

Como assim? Outra?

Outras impressões, outras vontades, outros desejos e outros prazeres.

Simples assim! Muitas em uma, uma em muitas.

Tai, Palavreira! Obrigada por me fazer pensar! Um dia eu escreverei algo publicável!

No melhor estilo mendiga

me componho de retalhos, de trapos.

peças que me aquecem, que me colorem e me fazem sentido.

uma sobre a outra. essa sou eu. uma composição de coisas que não combinam

Às vezes com nós, outras ao vento.

Sou feita de retalhos. De

Seda,

Juta,

Barbante e sonhos.

Todos verdadeiros a seu modo, no seu tempo.

 

* Sonia Magiotto é jornalista, empresária, mestre em yoga e palavreira
encantadoramente modesta


 

Toda semana, às quartas, o blog traz a crônica de um(a) ‘palavreiro(a)’ convidado(a). O convite é extensivo a todos que gostam de palavrear a vida em forma de crônicas.

VEM PALAVREAR COM A GENTE!’

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.